Mensagens

1ª. Mensagem da CEC / fevereiro de 2018 Em busca de conhecer Jesus, Lucas 19.9

Mens_CEC1_fev_18.pdf (602 downloads) Mens_CEC1_fev_18.png (328 downloads)

Se Jesus convidasse você para sua casa, o que você faria?

Quantos tem procurado Jesus para serem libertos de sua insônia, para ficarem curados de seu vício, sejam a droga, o álcool, o cigarro, a pornografia, a gula, para terem restaurados os seus casamentos, darem adeus à depressão, serem curados de suas doenças, outros para terem mais dinheiro. O texto trata de alguém que não tinha nenhuma das necessidades citadas, Zaqueu, que mesmo sendo um homem rico tinha o desejo de conhecer Jesus.

Mesmo com tantas riquezas, nada disso pôde preencher a solidão, a frustação, e o vazio que havia no coração de Zaqueu. Isso o motivou a lutar contra os obstáculos para conhecer Jesus (v.4);

1.      Para ver Jesus, teve que superar obstáculos de cunho pessoal, “era de pequena estatura” e obstáculos de cunho circunstancial, a multidão que o impedia de chegar até Jesus.

·       Ao procurar um lugar para ver o Mestre, se deparou com um grande aglomerado de pessoas que o impossibilitou de vê-lo.

2.      O repudio pelo povo. Os publicanos sofriam um repúdio muito forte dos fariseus. Muitos publicanos cobravam mais impostos do que deveriam, praticando extorsão. Enriqueciam ilicitamente. Eram considerados traidores, gatunos e ladrões. Este ódio se estendia a suas famílias também.

3.      O exclusivismo cego dos judeus que se recusavam a ver alguma coisa boa em um publicano.

4.      O que vemos é esse homem vencendo o obstáculo “multidão”, subindo em uma árvore. Ao invés de ficar reclamando e chorando suas impossibilidades, de forma criativa ele venceu o obstáculo.

5.      Os que se empenham em conhecer a Cristo enfrentam obstáculos, que podem ser os vícios, as bebidas, os problemas financeiros, a família, os pecados ocultos e tantos outros problemas e dificuldades que se apresentarão em sua vida, para impedi-lo de conhecer Aquele que tem a resposta que o seu coração anseia.

Ao atender o convite de Jesus, Zaqueu abriu mão de sua vida velha para receber uma vida nova.

1.      Quando há arrependimento de pecados, há também mudança de atitude. Quando uma pessoa verdadeiramente se arrepende, há uma busca por mudar e transformar a sua vida.

2.      Não há conversão genuína sem resultados morais palpáveisna vida do convertido.  A confissão verbal de Cristo como Senhor e Salvador deve ser acompanhada de sinais exteriores de mudanças cada vez maiores.

3.     Aqueles que reconhecem a Jesus, como Senhor e Salvador, são transformados em seu caráter. Tornam-se em “ex-alguma coisa”.

Não interessa o tamanho da multidão, Jesus nos vê e nos conhece.

Não interessa o que os outros acham de você, para Jesus, você é alvo de seu amor. A profissão de Zaqueu fazia dele uma pessoa desprezada, evitada por todos, mas não para Jesus. Pelo contrário, o Senhor vai em sua direção, não com palavras de desprezo, mas de amor e vida eterna, “hoje houve salvação para essa casa, pois este é filho de Abraão. Porque o Filho do Homem veio buscar e salvar o perdido.

O convite de Jesus para você ainda está de pé, qual a sua resposta?

1 comentário

Deixe seu comentário