Mensagens

2ª. Mensagem da CEC / dezembro de 2020 Eu e você, instrumentos que Deus quer usar, 2 Coríntios 5.11a  

Mens_CEC2_dez_20 (278 downloads) Mens_CEC2_dez_20 (149 downloads)
Você já ganhou uma alma para Cristo? Você conhece alguém que já faleceu, mas antes foi levado a Cristo  através de você? Ou alguém que está no caminho para o céu, por que você apresentou o Salvador? Você já ganhou alguém através do seu modo de vida e experiência com Cristo?
São perguntas que devem nos levar a analisar muito profundamente nosso grau de motivação por Deus e sua obra, como estamos vivendo a vida cristã, se estamos cumprindo a missão dada a cada um de nós, se realmente estamos vivendo o IDE.
1.     Se você tem a certeza da sua salvação,  você é capaz de levar outros a ter essa experiência. Um ganhador de almas deve ter, primeiramente, a experiência definida de sentir-se perdido (1 Timóteo 1.15), e a certeza de que Cristo levou os seus pecados no Seu corpo, na cruz e que Ele está diariamente libertando-o do poder do pecado.
2.     Se você viver uma vida inteiramente entregue ao Senhor, será um(a) ganhador(a) de almas. O apóstolo Paulo, que durante décadas não cessou de ganhar almas, dizia: “para mim o viver é Cristo” (Filipenses 1.21). Ele viveu por Cristo, em Cristo, com Cristo e para Cristo. Nada era mais importante. Podemos, também, como ele dizer: “O que era para mim, lucro, isso mesmo tenho como perda por amor de Cristo” (Fl 3.7)?
3.     Se você é convicto de que toda alma fora de Cristo está perdida, será compelido a descer ao plano onde essas almas estão, independentes de sua condição, e ficará comovido a ganhá-las.
4.     Somente o crente que ora e alcança o poder do evangelho será um ganhador de almas. O Evangelho é poder de Deus, que nos impele a orar e agir, abre portas e vence barreiras. “É de joelhos que a igreja avança”.

ONDE ganhar almas? Em toda a parte! Em cada lugar há pessoas tristes, chorando, sofrendo, desanimadas e perdidas. Temos a mensagem que salva “Erguei os vossos olhos e contemplai esses campos, que estão brancos para a ceifa” (João 4.35)

QUANDO ganhar almas? “AGORA”, é a resposta. As palavras de 2 Co 6.2: “Eis agora o tempo aceitável, eis agora o dia da salvação”, têm tanta aplicação a nós que queremos ganhar os perdidos, como têm para o pecador. “Como, pois, invocarão aquele em quem não têm crido? E como crerão naquele de quem não têm ouvido falar? E como ouvirão sem pregador?” (Rm 10.14). Sim, “Agora é o dia da salvação” e agora, portanto, é a nossa responsabilidade.

Qual vai ser sua atitude em relação a esse grande projeto de salvação?

Deixe seu comentário