Mensagens

5ª. Mensagem da CEC/ junho 2017 Você precisa contar… Mt. 9 20-22

Mens_CEC5_jun_17-1.pdf (490 downloads) Mens_CEC5_jun_17-1.png (221 downloads)

A Bíblia retrata a história de uma mulher que há doze anos sofria de hemorragia. Em busca de cura, ela gastou todas as suas economias, e não teve solução. Assim como a mulher do fluxo de sangue, milhares de pessoas buscam solução, na maioria das vezes as mazelas vão além de um problema físico. São vícios, prisões na alma, traumas, depressão, etc.

Analisemos a mensagem.

1.Como as pessoas caracterizavam a mulher do fluxo de sangue? De acordo com a lei mosaica era considerada como uma mulher “imunda/impura” (Levítico 15.25). Muitos têm o hábito de identificar as pessoas por suas deficiências: “a casa do aleijado”, “da mulher imunda”, “da perna torta”. São movidos pela insensibilidade e preconceito.

2. Imagine como eram as relações sociais dessa mulher – Alguém não muito bem-vinda, já que, de acordo com a lei, sequer poderiam sentar no mesmo lugar que ela sentou, sob a pena de tornar-se impuro até o final do dia (Levítico 15.26,27). Possivelmente uma pessoa solitária.

3. Era uma mulher que não vislumbrava uma solução para sua vida. Além das dificuldades de relacionamento, estava destinada a morte.

  • Como aquela mulher, existem muitos na mesma situação, ou em situação pior.

4. Ela ouviu falar de Jesus – Alguém contou a ela que Jesus ia passar por ali.

  • A mensagem trouxe aquela mulher esperança de cura.
  • Assim como a pessoa que levou a mensagem aquela mulher, também temos a missão de anunciar as Boas Novas de salvação, curas e milagres. As pessoas precisam saber que existe solução espiritual e física.

Analisando a mensagem, o que Deus falou a você?

Deixe seu comentário