Notícias

Irmãs na Obra

IEADAM REALIZA GRANDE AÇÃO SOCIAL CONSTRUINDO E REFORMANDO CASAS EM MANAUS

Promover melhoria na qualidade de moradia de várias famílias carentes é o objetivo do projeto “Irmãs na Obra”, atividade que faz parte das inovações do Congresso de Mulheres da Igreja Evangélica Assembleia de Deus no Amazonas neste ano.

O projeto social inicialmente seria realizado em apenas uma casa por região geográfica em Manaus, beneficiando assim quatro famílias indicadas por membros da igreja. Mas, o amor de Deus, o desejo de ajudar e a unidade das mulheres assembleianas fez o projeto avançar e muito, alcançando assim dezenas de famílias carentes, em diversos bairros da capital amazonense.

Idealizado pela pastora Ana Lúcia Câmara, esposa do presidente da IEADAM e CEADAM, pastor Jonatas Câmara, “Irmãs na Obra” foi criado para ajudar famílias carentes e, em situação de risco, a ter mais segurança e conforto em suas moradias. A maioria das famílias não são evangélicas e estão sendo contempladas com reformas, reparos, obras de pintura, acabamento, e até mesmo a construção total de algumas residências conforme a necessidade.

Norte, Sul, Leste e Oeste. Em todas as regiões da cidade há canteiros de obras realizadas sob a liderança de mulheres da Igreja, com o apoio de homens, jovens e de toda a igreja. Carregando material, assentando tijolos… literalmente com a mão na massa em vários pontos da cidade unidos com o propósito de ajudar.

O trabalho vem sendo desenvolvido há mais de um mês e a previsão para a inauguração das casas é para o dia 25 de agosto. As obras seguem em ritmo acelerado, movidos pelo amor e solidariedade, e em algumas localidades já está tudo pronto e já possível celebrar por grandes transformações daquilo que era quabrado, inacabado, inseguro para algo realmente digno, seguro e aconchegante.

O Congresso de Mulheres da IEADAM será realizado nos dia 30 e 31 de Agosto e 1 de Setembro e, certamente deixará um grande legado espiritual e social, trazendo mudança de vida para muitas famílias.

Deixe seu comentário