Mensagens

1ª. Mensagem da CEC / dezembro de 2017 Cem anos de disposição, Genesis 12.1-5

 

Mens_CEC1_dez_17.pdf (237 downloads) Mens_CEC1_dez_17.png (134 downloads)

A Bíblia está repleta de exemplos de pessoas que geraram povos, instituições etc.

Vejamos um desses exemplos:

  1. Abraão, que atendeu ao chamado de Deus quando ainda estava na Mesopotâmia (Atos 7.2-3)
  2. Ele deu as costas a uma grande cidade, iniciando sua jornada de fé para uma terra sobre a qual pouco ou nada sabia e que, provavelmente, tinha muito pouco a lhe oferecer do ponto de vista material.
    • Ele não sabia nem aonde se estabeleceria. “…e partiu sem saber para onde ia” (Hebreus 11.8).
  1. Ele tinha 75 anos quando entrou em Canaã. Nos dias de hoje, Abrão já estaria no seguro social há mais de dez anos. Em vez de pensar numa nova terra e numa nova vida, a maioria de nós estaria pensando em termos de uma cadeira de balanço, ou em um sítio.

 

  1. Ele partiu de Harã não porque fosse a coisa mais fácil a fazer, mas porque esse era o intento de Deus.

 

  1. Sua fé em Deus proporcionou-lhe as três principais promessas contidas nos versículos 2 e 3: uma terra, uma descendência e uma bênção.

 

  1. O que aprendemos com Abraão?
    1. Todos nós somos chamados para andar com Deus.
    2. A idade não é justificativa para não atendermos o chamado de Deus, para realizarmos a sua obra.
    3. Da mesma maneira como existia promessa sobre a vida presente e futura de Abraão, existe também sobre a nossa vida.

 

Comemoramos 100 anos de existência da IEADAM, e tudo começou com a disposição de um homem em abrir sua casa para pregação e ensino da Palavra de Deus. Essa decisão gerou esta grande igreja, onde servimos, devido a disposição de um homem. Imagine o que Deus pode fazer através de você.

 

 

Deixe seu comentário