Mensagens

  3ª. Mensagem da CEC / fevereiro de 2020 Amigos de verdade, Marcos 2.1-12  

Mens_CEC3_fev_20_Pdf (538 downloads) Mens_CEC3_fev_20_WhatsApp (427 downloads)
Você já parou para pensar em quantos amigos você tem? Suas amizades são boas o suficiente para considerá-las como “amigos de verdade”? Você se considera um verdadeiro amigo?
A passagem sobre o paralítico de Cafarnaum e seus amigos, mostra o grande valor que há na verdadeira amizade. Essa história nos revela o quanto os amigos têm o poder de mudar a história de alguém.

1.     Amigos são aqueles com quem podemos contar.
a.     Verdadeiros amigos fazem o possível para levar o outro amigo a ter um encontro com Cristo, porque sabem que a única saída é Jesus.
b.     Não desistem diante das primeiras dificuldades, mas vencem os obstáculos que se apresentam e acham meios de levá-lo a ter esse encontro com Jesus (Marcos 2.4).
c.     Amigos com fé despertam o amor do Mestre. Os amigos do enfermo de Cafarnaum tinham uma grandiosa fé, e essa fé ardente nos seus corações despertaram o amor de Jesus (Marcos 2.5).

2.     Um encontro com Jesus trás perdão dos pecados e cura. Muitas pessoas buscam algo da parte de Deus: a cura de uma enfermidade, a solução de algo impossível, a prosperidade, que mesmo sendo benéfico é algo passageiro. Porém o interesse principal de Jesus é o perdão dos pecados e a salvação.

Você que tem orado, pedindo a Deus pelo seu filho, por seu marido, por sua esposa, por seus pais ou quem sabe alguém que você conheça, continue firme mesmo que isso pareça depender de um milagre. Lembre-se de que Jesus curou aquele homem, vendo a fé daqueles que baixaram o paralítico de Cafarnaum pelo telhado.
Portanto não desista! Continue firme em sua fé, pois todo esforço será recompensado!

ESTRATÉGIA DE CONQUISTA EU+3

1 comentário

  • Romulo Azevedo disse:

    Essa mensagem é uma benção de Deus. Quarta feira será ministrada na nossa célula.
    Glória a Deus para sempre 🙌 estou no aguardo das próximas mensagens no site. Paz de Deus a todos 🙋🏻‍♂️

Deixe seu comentário